BI-RADS: entenda o resultado do exame de mamas

Os exames de imagem são essenciais para o diagnóstico precoce do câncer de mama. E as alterações encontradas neles são classificadas de acordo com um sistema chamado Bi-rads, que indica o risco de serem câncer. Siga na leitura e saiba mais sobre essa padronização.

O QUE É BI-RADS NOS EXAMES DE MAMA?

O BI-RADS (Breast Imaging Reporting and Data System) é um sistema de padronização utilizado para classificar as alterações encontradas em exames mamários de imagem, como mamografia, ultrassonografia e ressonância magnética.

A escala varia de 0 a 6 e não corresponde a um diagnóstico, mas sim a uma descrição que representa o risco de o achado ser um câncer de mama, orientando a conduta médica após o exame.

Uma eventual confirmação do câncer de mama só é feita depois de uma biópsia, ou seja, quando se retira um fragmento do nódulo ou lesão e este material é analisado em laboratório para concluir se é realmente um câncer.

BI-RADS 0

Há um achado, mas não foi possível caracterizá-lo (ele é incompleto ou inconclusivo), sendo então necessária uma avaliação adicional para maiores esclarecimentos por meio de outros exames de imagem.

BI-RADS 1

Não há nenhum achado, o exame é considerado normal e recomenda-se manter o rastreamento de rotina.

BI-RADS 2

Há um achado benigno, como a presença de cicatrizes cirúrgicas ou de próteses de silicone, sendo recomendado a manutenção dos exames de rastreamento.

BI-RADS 3

Provavelmente trata-se de um achado benigno (98% de chance de benignidade). Nesse caso, é recomendado repetir o exame em intervalos semestrais.

BI-RADS 4

Achado suspeito, que deve ser submetida a biópsia.

BI-RADS 5

Achado altamente suspeito de malignidade (com 95% de chance de ser câncer), devendo este ser submetido a biópsia.

BI-RADS 6

Nesse caso, já há um diagnóstico de câncer. O BI-RADS 6 é definido quando a paciente ainda não operou, mas realiza o exame para conferir, por exemplo, se o tumor diminuiu após sessões de quimioterapia ou para que a cirurgia seja planejada.

BI-RADS 0 É PREOCUPANTE?

Na maioria das vezes, não. Mas os exames complementares são necessários para que a classificação correta e o melhor diagnóstico sejam estabelecidos.

BI-RADS 2 PODE VIRAR CÂNCER?

Não. Achados Bi-Rads 2 são 100% benignos e não viram câncer.

NÓDULO BI-RADS PODE SUMIR?

Nódulos verdadeiros não somem espontaneamente. O que ocorre é que às vezes existem ilhotas de gordura que simulam nódulos – e esses podem desaparecer em exames futuros.

QUANDO O RESULTADO DA MAMOGRAFIA É PREOCUPANTE?

Quando o resultado for Bi-Rads 4 ou 5. Nos casos de Bi-Rads 3, a avaliação da mamografia deve ser feita por um médico especialista, no caso por um mastologista, para avaliar os históricos pessoal e familiar e exames anteriores da paciente. Então, é traçada a melhor conduta para o caso.

Quando o resultado for Bi-Rads 0, é muito importante a realização de um exame de imagem complementar para se chegar a um diagnóstico.

QUAL MÉDICO PROCURAR?

Quando há suspeita de câncer de mama ou qualquer alteração ou dúvida nos exames mamários, o médico a ser consultado é o mastologista, profissional especialista na saúde das mamas.

COMO É FEITO O DIAGNÓSTICO DO CÂNCER DE MAMA?

Segundo a SBM (Sociedade Brasileira de Mastologia), as mulheres a partir dos 40 anos devem realizar uma mamografia de rastreamentoanualmente. O exame é um tipo de radiografia das mamas que identifica alterações suspeitas de câncer. Quando realizada preventivamente, ela pode diagnosticar lesões bem pequenas, ainda não palpáveis e que podem estar numa fase pré-maligna.

Para chegar a um diagnóstico, o médico ainda pode pedir uma ultrassonografia ou até mesmo uma ressonância magnética.

Além disso, as mulheres devem estar atentas a qualquer alteração nas mamas, como um nódulo endurecido no seio, mamilo invertido, inchaço e/ou vermelhidão na região, secreção nos mamilos, entre outros.  Em caso de suspeita, devem procurar um médico para uma investigação.

Fonte: https://altadiagnosticos.com.br/saude/bi-rads



Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *